Página inicial > J > Jerry MC > Fim Dos Tempos

Fim Dos Tempos

Jerry MC


Pode Pá me Dou Bem
Vem Mata, Super Man
Vai Tenta, Então Vem
Engatilha e Click Bang

Mas Sua Inveja é loca
Eu Nunca tô de toca
Revolução Hoouu
Revolução Hoouu

É verso sem massagem, é tudo por imagem
Se dopam se iludem elevando minha mensagem
Pais da disciplina onde os visitantes acerta
Depois não quer que digam que é o pais da perna aberta

Nascido e vivido em meio a essa nação
A ordem daquele pano hoje limpa o meu chão
Corrupção, televisão, rádio e computação
São apenas a ligação pra manipula essa nação

""Matavam sem leis, os Bullying é sem dó
O certo é sem vez, favela e os B. O ""
Tiazinha e a simpatia, ritmo e harmonia
Em cada esquina uma vadia ganhando um novo dia

O povo acordo mas não entendi o porquê
A mosca incomodo mas você não quer sabe
O menino mato toda a sua família
E o Rezende só quis mesmo a audiência que subia

A culpa é de quem, em quem boto a culpa
A mídia logo vem e com pano enxuga
Você vê a verdade mas ela diz que não viu
Você mente por ela e ela diz que assumiu

Você que cai no posso e ela é quem sai da lama
Você que tampa os olhos mas nunca reclama
De barriga cheia ninguém nunca vai reclama
Mas cheia de bosta ah... assim não dá

Uns vivem de riscos, outros vivem de farsas
Nunca vou dizer filho dorme que a fome passa
O meu teto pode até ser um dia de papelão
Mas ninguém vai arrancar o poder de pisa no chão

Refrão
Pode Pá, me Dou Bem
Vem Mata, Super Man
Vai Tenta, Então Vem
Engatilha e Click Bang

Mas Sua Inveja é loca
Eu Nunca tô de toca
Revolução Hoou
Revolução Hoou

Dança, dança... dança, enquanto é moda
Se ilude rebolando achando que não incomoda
Aqui é 1, 2 mosco já foi
Depois não culpa o Datena por falta de arroz

Na subida do morro os coxa até geme
Os menor já tão falando que mata até Pm
Onde se viu paz em um pais quase fútil
O povo inocente conduzidos a Mc Inútil

Vai lá seu Burguer Bosta engordar essa nação
Depois é veiculado como riso vacilão
Filho que mata pai, pai que mata mãe
Mãe joga o bebe no lixo e outros que apaem

O seu valor é dado numa dessas migué
Tanto que pra não ocupar espaço te enterram em pé
Te confinam, dizendo que te fazem lendas
Mas não é assim que funciona aquela fazenda

Ainda acham que quem tá no topo joga
Lá de cima eles chutam, e você acha que é moda
Não se incomoda, mas eu tô aqui
Se gabe na roda, moleque zika sua fama vai sumi

Mate, Mate, em quanto está vivo
Ou sua vida ou a dele tá ai mais um motivo
Assim! Sigo nesse mundo de cão
Pegou e não pagou a banca passa o vacilão

Bem vindo ao meu pais onde o cego é você
Onde um assassino tem mais condição de vive
Onde te passam o rodo assim sem mais
E nunca tão nem ai do que você é capaz

Refrão
Pode Pá, me Dou Bem
Vem Mata, Super Man
Vai Tenta, Então Vem
Engatilha e Click Bang

Mas Sua Inveja é loca
Eu Nunca tô de toca
Revolução Hoou
Revolução Hoou

Letra enviada por Leandro Saueia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Jerry MC no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS