PĂĄgina inicial > Pop/Rock > J > Jay Vaquer > Despas de Deux

Despas de Deux

Jay Vaquer


Ela tem o costume de dizer que nĂŁo vai se acostumar
NĂŁo que ela cogite desistir de encontrar respostas
Se por um milagre esperar que milagres aconteçam
E sĂł por um segundo acreditar que tudo vai ficar bem
Guarda histórias que ninguém jamais desconfiaria
do tipo de segredo proibido que ameaçamos nem imaginar
JĂĄ dinamitou o Vaticano e a DisneylĂąndia
Desconsiderando o que os devotos e as crianças sentem

Olha quem chegou sem nos avisar
Nossa grande amiga, a solidĂŁo
Chama pra dançar, num Despas de Deux
Pra se acostumar com a violĂȘncia de ter que viver sorrindo

Ela reconhece que nem sabe mais o que esperar
Tem muita vontade de mandar tudo Ă  merda
Mas percebe que se ela mandar
tudo estarĂĄ onde ela jĂĄ estĂĄ
Vai num tudo ou nada onde tudo quase sempre Ă© nunca

Olha quem chegou sem nos avisar
Nossa grande amiga, a solidĂŁo
Chama pra dançar, num Despas de Deux
Pra se acostumar com a violĂȘncia de ter que viver sorrindo

Guarda a esperança de um dia viajar no tempo
Pra poder dizer o que queria quando havia tempo
E as pedras no caminho também servem pra fortalecer
a vontade de apedrejar imbecilidades

Olha quem chegou sem nos avisar
nossa grande amiga, a solidĂŁo
chama pra dançar, num despas de Deux
Pra se acostumar com a violĂȘncia de ter que viver sorrindo

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Jay Vaquer no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS