Página inicial > J > Jane Lane > Lunática Errante

Lunática Errante

Jane Lane


Se amar é se entregar
E viver é arriscar
Me diz o que que eu to fazendo aqui?

Se pra quem ama não há limite
E quem sonha não desiste
Por que, meu deus, por que que eu to aqui?

Entenda, meu bem, não é que eu não seja sincera
Ou não goste de você
É só que eu to meio cansada de correr
Sem ter ao certo um porquê

Dizem que eu posso te perder
Mas, quer saber, pra mim tanto faz
Eu já me decidi e por ora
A lunática errante descansa em paz

Se cada um é um
Então por que ainda agimos
Como se fôssemos iguais?

Se eu não quero, porque insisto e ajo
Como se fosse capaz?

Não se sinta ofendido, por favor, meu menino
Não é que eu não te aguente mais
É só que eu decidi já faz um tempo
Não vou levar jogos a sério, deixei pra trás

Dizem que eu posso te perder
Mas, quer saber, pra mim tanto faz
Eu já me decidi e por ora
A lunática errante descansa em paz

Não se sinta ofendido, por favor, meu menino
Não é que eu não te aguente mais
É só que eu decidi já faz um tempo
Não vou levar jogos a sério

Dizem que eu posso te perder
Mas, quer saber, pra mim tanto faz
Eu já me decidi e por ora
A lunática errante

Dizem que eu posso te perder
Mas, quer saber, pra mim tanto faz
Eu já me decidi e agora
A lunática errante não existe mais

Letra enviada por Leandro Saueia

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Jane Lane no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS