• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Informações do Álbum The Dark of the Morning - EP
    The Dark of the Morning - EP
    Ouvir álbum completo The Dark of the Morning - EP Ano de lançamento: 2013Republic Records, a division of UMG Recordings, Inc.
    x
    Ver discografia completa »
    PLAY

    Encontrou algum erro na letra ou tradução? Colabore com a gente clicando nas frases abaixo ou enviando uma correção completa »
    Clocks Go Forward
    Darkness bleeding in, the sun is getting low
    No diamonds in the trees, only leaves of gold
    And our long days in the heat haze start to fade

    We can hide under sheets, under heavy covers
    So deep as the night draws in
    And we'll be slow honey lovers
    'til the clocks go forward again
    Again, again, again yeah

    When there's no blue above
    gonna keep my summer clothes
    'Cause there's still a field of green
    underneath the falling snow
    When our hands grow so cold and hard to hold

    We can hide under sheets, under heavy covers
    So deep as the night draws in
    And we'll be slow honey lovers 'til the clocks go forward again
    Again, again, again yeah

    Stay warm, close your eyes
    Let time fly
    Stay close, stay right here
    Nothing to fear

    And we'll hide under sheets, under heavy covers
    So deep as the night draws in
    And we'll be slow honey lovers 'til the clocks go forward again
    Again, again, again yeah, And again
    Relógios avançam
    Escuridão escorrendo, o sol se está pondo
    Não há diamantes nas árvores, apenas folhas de ouro
    E os nossos longos dias na névoa de calor começam a desaparecer

    Nós podemos-nos esconder debaixo dos lençóis, debaixo de cobertores
    Tão profundo como a noite que nos envolve
    E vamos ser amantes de coração lento
    Até que os relógios avancem outra vez
    Novamente, novamente, novamente sim

    Quando não há céu em cima
    mantenho as minhas roupas de verão
    Porque ainda há um campo de verde
    Por baixo da neve que cai
    Quando as nossas mãos crescem tão frias que ficam difíceis de agarrar

    Nós podemos-nos esconder debaixo dos lençóis, debaixo de cobertores
    Tão profundo como a noite que nos envolve
    E vamos ser amantes de coração lento até que os relógios avancem outra vez
    Novamente, novamente, novamente sim

    ficar quente, feche os olhos
    Deixe o tempo voar
    Fique perto, fique aqui
    nada a temer

    E nós vamos-nos esconder debaixo dos lençóis, de baixo de cobertores pesados
    Tão profundo como a noite que nos envolve
    E vamos ser amantes de coração lento até que os relógios avancem outra vez
    Novamente, novamente, novamente sim, e mais uma vez


    Letra enviada por Julia Brito

    Aviso

    Esta tradução ainda não está completamente revisada pelos fãs e equipe do Vagalume. Colabore conosco enviando uma correção completa »


    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de James Bay

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.