Página inicial > J > JahMond > Dia de Frio

Dia de Frio

JahMond


Acordei num dia de frio
Me senti um vazio
Já não ligo pra quem me vê
Só percebe disso quando sumiu
Diz que já não me viu
Quando não quero mais te ver

[baldrez]
Mas ainda não uso mais desculpas
Procuro me afasta das coisas que me perturba
Deixo baixo várias fita
Mas não em entrego a nenhuma
E se eu me preocupa-se
Mas isso nem me preocupa
E a cada dia vou me tornar mais forte
Não espero agradar ninguém
Por que quero que ninguém me note
Não me camufla essa ideia de tenta ganhar ibope
Só mexo com que convém
Não arrisco minha sorte
Agredindo quem me deu rasteira
Acordei agressivo
Hoje dou voadeira
Cinco malando em volta fogueira
Roda de rap beat box capoeira
Atropelando quem não sai da frente

[dom]
Eu ando passando a noite fumando cigarros
Acordado transtornado pensando parado a milhão
Correria pra todo lado
Presta atenção
Não adianta tá na cadeia e falar que tá regado!
A liberdade vale o dobro
Bate no peito
Mas seu coração não é de aço
Enche o pulmão com cheiro de esgoto
E vejo no role do meu bairro
Que o produto tá escasso

[baldrez]
Na maresia eu vejo um índio
Amarrado no meu cadarço
Sempre vão ter os de fé e amor
Mas sempre vão ter os
Que querem falar mais alto

Acordei num dia de frio
Me senti um vazio
Já não ligo pra quem me vê
Só percebe disso quando sumiu
Diz que já não me viu
Quando não quero mais te ver
Quando não quero mais te ver
Quando não quero mais te ver

Letra enviada por JahMonD

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a JahMond no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS