We Kill Everything (tradução)

Iron Maiden


Nos corredores de ódio onde o Mestre faz seu trono


Dentro do cinto de ass"-teroid" onde o corpo dele flutua só

a mente dele começa a vagar

a lombriga começa a virar

toda a vida que ele tem que desperdiçar agora

o universo tem que queimar

Ele planeja guerra eterna, como o modo eterno

Mas há uma força - o qual ele tem que obedecer agora

Tempo e os eventos dentro, crônicas de ódio e pecado

Tudo, tem um começo, mas o fim sempre é a melhor parte

Nossa indagação - achar os pedaços quebrados

Os reponha e os faça ajustar

E uma vez que nós lemos o fim

A tablete explodirá novamente (x4)

E nós mataremos tudo (x3)

Incluindo nós mesmos

Chamando o Mestre

Chame a forma dele mais vil

Mordendo massa, procurando carne

Pilha de protoplasma

Fome antiga, nunca saciada

até que o universo é matado

O anfitrião infinito de fundir alma

Chupado no buraco de alimentação

Intestinos e miúdos cascateiam abaixo

Anões retais, chão aplainado

Por favor preste atenção ao enredo

Como eu expulso o ranho deste monstro

Intensos crânios e costelas limpando

Peneiragem, drenagem

Massa protraindo de cheirar bílis

Quais formas infetaram pilha de booger

Ajunte a tablete agora

Espere que não seja nenhum Braile

Produza o Mestre agora

Assim nós podemos terminar este conto

E nós mataremos tudo (x3)

Especialmente nós mesmos

Transcreva seu enxame plasmático

Evapore antes da tempestade do tempo

E dedique sua vida a pornografia

E dedique sua vida a pornografia

Você pensa que vida tem uma razão?

Você pensa que seu deus tem uma alma?

Eu descubro meu vagabundo aos céus

Eu penso que uma cabeça é um buraco

E nós mataremos tudo (x3)

Incluindo nós


We Kill Everything


In the hulking halls of hatred where the Master makes his throne

Within the "ass"-teroid belt where his body floats alone

his mind begins to wander

the worm begins to turn

all life he must now squander

the universe must burn

He plans eternal war, as the eternal way

But there is a force - which he must now obey

Time and the events within, chronicles of hate and sin

Everything, it has a start, but the end is always the best part

Our quest - to find the broken bits

Put them back and make them fit

And once that we have read the end

The tablet will blow up again (x4)

And we'll kill everything (x3)

Including ourselves

Summoning the Master

Call his form most vile

Champing mass of questing flesh

Protoplasmic pile

Ancient hunger, never filled

until the universe is killed

The endless host of merging soul

Sucked into the feeding hole

Guts and giblets cascade down

Rectal midgets, flattened ground

Please pay attention to the plot

As I kick out this monster's snot

Splitting skulls and raking ribs,

Trephinated drainage sieve

Protruding mass of reeking bile

Which forms infected booger pile

Assemble now the tablet

Hope that it's not Braille

Bring forth now the Master

So we can end this tale

And we'll kill everything (x3)

Especially ourselves

Transmogrify your plasmic swarm

Evaporate before time's storm

And dedicate your life to porn

And dedicate your life to porn

You think that life has a reason?

You think your god has a soul?

I bare my bum to the heavens

I think a head is a hole.

And we'll kill everything (x3)


Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS