• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Marcha um povo rompendo a floresta
    Ganha terras e aumenta o Brasil
    No Ocidente penetra e, na testa,
    Albuquerque de porte viril.

    Dessa marcha de heróis do passado tu,
    Ó Cáceres, ergues-te forte...
    Já ecoa no campo o boiado,
    Surge a poaia nas matas do norte.

    Tuas terras banhadas dos Rios
    Sepotuba, Jaurú, Cabaçal,
    Paraguai – porta aberta pra o mundo;
    Mar interno – feroz Pantanal!

    O teu solo propício à cultura
    Doutros centros chamou atenção;
    Veio gente no afã de fartura,
    Confirmou de Albuquerque a visão.

    Tua história contém a lição
    De trabalho tenaz persistente,
    No concerto geral da Nação
    Como sempre respondes – presente!

    De Albuquerque foste a preferida
    Minha terra cristã e feliz
    Cidade amor de São Luiz
    Salve, Cáceres, princesa querida.

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Hinos

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.