Gyldo
Página inicial > Funk Carioca > G > Gyldo > Não Vou Parar

Não Vou Parar

Gyldo

Praia do Pina - EP


Eu fiz essa canção
Pra ser uma oração
Escute essa canção
E receba a unção

Eu fiz essa canção
Pra ser uma oração
Escute essa canção
E receba a unção

Oh, oh, oh, oh, oh

Vai ter bixa preta em todas as partes
Se você não curte, por favor não late
Se eu for pra Tv, te mostro o que é arte
Tô fazendo história, mereço esse lacre

Ham! Ham! Ham! Ham!
Ham! Ham! Ham! Hey!

Seu preconceito não vai me parar
Me botar pra baixo não vai funcionar
Tô fora do armário e não vou mais voltar
Eu sem quem eu sou e não posso parar

Eu não vou parar
La, la, la, la, la, la
Vai ter que respeitar
La, la, la, la, la, la

Esse é o meu lugar
É melhor se acostumar
Eu não vou parar, não
Eu não vou parar, não

Hey!
Hey! Hey! Hey!
Hey! Hey! Hey!

Tu, du, du, da
Tu, du, du, da
Tu, du, du, du, du, du, du, du, du, da
Quebra, mamãe! Quebra, mamãe! Ham!

Gente como eu sendo crucificado
Disseram que eu sou o próprio Diabo
Todos que saíram não voltam pro armário
Teu ódio é tão sujo e ultrapassado

Olha pra mim
O que você vê?
No fundo já sabe que o erro é você

Meu brilho é forte e incomoda você
Meu nome é Gyldo não vai esquecer

Eu não vou parar
La, la, la, la, la, la
Vai ter que respeitar
La, la, la, la, la, la

Esse é o meu lugar
É melhor se acostumar
Eu não vou parar, não
Não!

A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar (Parar)
A bixa preta não pode parar

Esse é o país da desigualdade
O machismo é o pai da maldade

Eles matam em nome de Deus
Eles queimam e destroem os meus
Mas eu não vou parar
Vão ter que respeitar
Oh, meu Deus!

Eu fiz essa canção
Pra ser uma oração

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Gyldo no Vagalume.FM

ESTAÇÕES