Página inicial > G > Guma > Sexsura

Sexsura

Guma


Não lembro de quando percebi
Tantas vezes me adequei
Se bem que nem sempre tentei

As regras estão postas aí
Já não passam pela goela, entupi
Não tem essa de ser alternado
Se rolar tem que estar apropriado

Na real, vou ter que tomar
Chá de camomila, suco de maracujá

Não posso
Não posso
Não posso
Não posso
Que o órgão está censurado

Quando for passar por fendas
Lembre-se: Pelo meio, não por cima

Podem errar o caminho, mas a mira
São todos os olhos apenas
Eles estão envoltos por vendas

Sei que gera cegueira, desconforto
Necessita de um certo esforço

Na real, vou ter que tomar
Chá de camomila, suco de maracujá

Aqui não vai faltar vontade
Isso meu corpo todo já sabe
Mesmo se estiver morto

Não posso
Não posso
Não posso
Não posso
Não posso
Não posso
Não posso
Não posso

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Guma no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS