Poesia

Guerreiras do Inferno


A escuridão sempre foi minha amiga
De noite eu olhava a imensidão do espaço
Cristais derretam como gelo
Dentro do copo, um mundo inteiro

Passava noites em claro sem reclamar
A ecuridão sempre vinha me visitar
Correntes e cadeados se despedaçam
Mas eu não quero e nunca fracasso

REFRÂO: Chove pedras de gelo
E caem estrelas no mundo, então
Fortes ventos me sacodem
Mas me ponho de pé
dentro do coração

Quando você quiser voltar pra mim
Faça uma poesia
Envolva tudo o que você tiver
E quero que ela me leve

Quero sentir uma fragância de Jasmin
Pedras e tormentas
Sacudindo um lugar
Bem perto dos cometas

Compositor: Michelle Simpla

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Guerreiras do Inferno no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS