Sangrando

Grupo Tá Na Mente


Quando eu soltar a minha voz por favor, entenda
Que palavras por palavras eis aqui uma pessoa, se entregando
Coração na boca, peito aberto, vou sangrando
São as lutas dessa nossa vida que eu estou cantando

Quando eu abrir a minha garganta essa força, tanta
Tudo que você ouvir, esteja certa que eu, estarei vivendo
Veja o brilho dos meus olhos, e o tremor das minhas mãos
E o meu corpo tão suado, transbordando toda raça e emoção

E se eu chorar e o sol molhar o meu sorriso
Não se espante, cante, que o teu canto é minha força pra cantar
Quando eu soltar a minha voz por favor entenda
É apenas o meu jeito viver
O que é amar.

Compositor: Gonzaguinha

Letra enviada por Betinho Tjf

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Grupo Tá Na Mente no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS