Deusa da Mata

Grupo Ecos do Fandango


ela foi chegando entre as folhagens alí avistei
com o clarão da lua tava semi-nua me aproximei
seus lindos cabelos nos ombros jogados eu acariciei
sua mão tremendo ainda eu me lembro você eu bejei

uma noite apenas sentí teu calor
jamais esqueci ganhei teu amor
india guaraní foste para mim
a deusa da mata que eu nao esqueci
teu corpo moreno como eu desejo
voltar ao passado te cobrir de beijos.

Compositor: Joao B. Mendes Onorio Silvio A. De Lima

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Grupo Ecos do Fandango no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS