Bem Bom

Gal Costa

Bem Bom


É. SĂł tem que ser Ă© com vocĂȘ
Porque senĂŁo nĂŁo tem porquĂȘ
Porque seu tom Ă© tĂŁo pro meu
E eu sou mais vocĂȘ e eu
Vem me cantar, me tentar
Vem me tocar, me pegar
Como uma canção de amor
Que nasce agora no ar
Com o frescor da brisa, o calor
A cor do seu olhar
Que me alisa a pele em plena flor
Pra te dar
Meu amor, meu bem
Vem mais pra cĂĄ, estĂĄ demais
Mais vai ficar pra lĂĄ de bom
Em corpo, em cor, em som de vai
E vem que tem, cai no bem-bom
Vem me cantar, me tentar
Vem me tocar, me pegar
Com uma canção de amor
Que nasce agora no ar
Com o frescor e a brisa e calor
A cor do seu olhar
Que me alisa a pele em plena flor
Pra te dar
Meu amor, meu bem

Vem me amar, me chamar
Vem pegar me levar
A uma festa a dois
É só o que resta pra nós
Tem tanta gente, a gente nem vĂȘ
A hora de ficar
Eu e vocĂȘ, nĂłs dois, como tem que ser sem pensar
E depois, enfim
SĂł mesmo a gente noite adentro
Dentro e fora, agora sim
O nosso amor vai ser assim
Eu pra vocĂȘ, vocĂȘ pra mim

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Gal Costa no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS