Gabriel Silveira

Prosa

Gabriel Silveira


Diz pra eu não me distrair
Olhar pra tudo que foi bom
Sentir pra onde devo ir
Pra que possa sentir o som

Sentimento em cada olhar
a verdade na palma da mão
Vem comigo vamos viajar
Fugir de toda multidão

Pra que possa ser mais perto
Tudo que é incerto
Tornando-se possível
Realizar
Pra que a prosa vire bossa
E o nosso verso possa
Pelo caminho certo
Fazer tudo mudar

Quero encontrar o mar
Na areia segurar sua mão
Um bom lugar pra começar
A esquecer de toda multidão
Me anima te ver falar
De detalhes que eu não sei de cor
Viemos pra recomeçar
Numa vida muito bem melhor

Pra que possa ser mais perto
Tudo que é incerto
Tornando-se possível
Realizar
Pra que a prosa vire bossa
E o nosso verso possa
Pelo caminho certo
Fazer tudo mudar

Pra que possa ser mais perto
Tudo que é incerto
Tornando-se possível
Realizar
Pra que a prosa vire bossa
E o nosso verso possa
Pelo caminho certo
Fazer tudo mudar

Quero encontrar o mar
Na areia segurar sua mão
Um bom lugar pra começar
A esquecer de toda multidão
Me anima te ver falar
De detalhes que eu não sei de cor
Viemos pra recomeçar
Numa vida muito bem melhor

Letra enviada por Gabriel Silveira

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Gabriel Silveira no Vagalume.FM

ESTAÇÕES