Samba-Enredo 2018

G.R.E.S. Unidos de Vila Isabel


"É o povo do samba
Vila Isabel, Vila Isabel... "

"Então pra que desistir
Corra que o futuro vem aí"

O povo do samba, é vanguarda popular
Mora nos macacos e no Boulevard
Vem aqui aprender, minha Vila tá legal
O moderno e o tradicional

O povo do samba, é vanguarda popular
Mora nos macacos e no Boulevard
Vem aqui aprender, minha Vila tá legal
O moderno e o tradicional

Quem quer tocar o horizonte
E conhecer o que virá
Mergulhe fundo, o passado é a fonte
Quem nunca foi, jamais será
O fogo que arde na alma da gente
Aquece quem sente e faz proteger
Forja o sonho, ilumina a mente
Brilha no meu ser

O mundo gira nas voltas da Vila
Rodas da vida que movem moinhos
No sopro de um novo tempo, força do pensamento
Conduzindo novos caminhos

Destinos moldados na palma da mão
Lições da história pra se folhear
Os livros inspiram a evolução
Um click nos leva pra qualquer lugar
Nas ondas do rádio ou na televisão
Na sétima arte que mostra até mais
Ensinamentos, efeitos bem mais que especiais
Aventureiros cruzaram o oceano
Levaram o sonho pro fundo do mar
Riscaram o espaço e deram um passo
Maior que o homem podia imaginar
Hoje pensar em ciência
É ter consciência do que está por vir
Então pra que discutir
Corra que o futuro vem aí

O povo do samba, é vanguarda popular
Mora nos macacos e no Boulevard
Vem aqui aprender, minha Vila tá legal
O moderno e o tradicional

Compositor: Pinguim, JP, Marcelo Valência, Julio e Deco Augusto

Letra enviada por Leandro Lima

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a G.R.E.S. Unidos de Vila Isabel no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS