Samba-Enredo 2005

G.R.E.S. Unidos da Tijuca


ENTROU POR UM LADO, SAIU PELO OUTRO. QUEM QUISER QUE INVENTE OUTRO.

Abro os portais da imaginação
Toda fantasia hoje é real
Me entrego ao delírio, luz, inspiração
Carnaval...
A mente leva a locais surpreendentes
Na Inocência, sou criança novamente
Com a Tijuca...
Viajo nessa emoção
Me torno aventureiro da ilusão

E desejo desvendar
Misteriosas civilizações
Cidades perdidas encontrar
Tesouros que atraíram gerações

Quando se abrem as portas do medo
Bruxas, Vampiros, Fantasmas da vida
Abraço a paz, me elevo à beleza
Purificar a alma é a saída
O Homem pensou,
Que o planeta era somente seu
Pro futuro ele projetou
Dominar a natureza, que um dia o acolheu
Alerta pro Mundo atual
Imagem, terror irreal
Humanos dominados pelo mal

Entrei por um lado, saí pelo outro a cantar
E quem quiser invente outro lugar
O meu paraíso, local mais perfeito não há
faço do Borel a Shangri-lá

Compositor: Sérgio Alan, Jorge Remédio e Valtinho Jr.

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a G.R.E.S. Unidos da Tijuca no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS