Samba-Enredo 1994

G.R.E.S. Tradição


Desde o começar dos tempos
Eu ficava observando a passarada revoar
E tive um sonho tão bonito, ir além do infinito
As estrelas ir buscar...
Conta a Mitologia... De carruagem
"Apolo" o céu vai alcançar
"Pégasus" levava os deuses
Pra no "Paraíso" repousar
Meus sonhos não tem limites
Sou bicho homem vivo a devanear, devanear...
"Passarinho, passarola..., Quero ver voar" (eu quero)
Quero ver voar

Com sua pena, profetizava o escritor
Revolucionava com seus projetos o pintor

Será verdade? (ô será, será...)
Ícaro marcou bobeira (bis)
Viajando para o Sol
Com um par de asas de cera

Incrível!!! Fantástico
Com meus balões encantei Paris
Deixando o mundo deslumbrado
Decola o "14 Bis"
Da minha nave eu vi que "a Terra é azul!!!"
Voei bem alto, "já pousei na Lua"
Hoje com a Tradição no coração
Voando pra qualquer lugar eu vou

Vou voar de asa delta
O céu do meu Rio de Janeiro, vou voar (bis)
Delirar com a natureza
Refletir no espelho azul do mar

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a G.R.E.S. Tradição no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS