Samba-Enredo 2000

G.r.c.e.s. X-9 Paulistana


(REFRÃO)
A X-9 vem aí, vai sacudir
Bota a água pra ferver, no anhembi
Vem nessa amor que eu quero ir
(REFRÃO)

A preta velha, escrava contou
E eu mergulhei no tempo
Sou a semente e virei ouro
O tesouro que Palheta levou ao Pará
Mas foi no Rio de Janeiro, que me espalhei pelo País inteiro
Brasil, Brasil
Testemunhei o seu destino, neste teu chão divino
Da colônia à república
Eu sou o Rei da exportação
Trilhando no seu coração

(BIS)
Eu vou de trem (eu vou)
No vai e vem (amor)
Eu sou o tal...café
Só não toma quem não quer
(BIS)

E há quem diga que nas borras viu
A sorte desenhar o seu amanhã
Que eu sonhei
E no meu sonho eu vi...tudo colorir
E perfumar a cidade inteira
Na mais linda cor, no mais quente sabor
Da raça brasileira

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a G.r.c.e.s. X-9 Paulistana no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS