Oh Sweet Were The Hours (Ludwig Van Beethoven) (tradução)

Franco Battiato


Oh doce Were The Hours (Ludwig Van Beethoven)


Oh doce foram as horas, quando, na alegria de brincar multidão

Eu levava os deleita com a dança e com a música

Ao vivo a partir da fonte, e brilhante como o dia

meu espírito o'erflow'd e correu espumante embora!


Voltai, ó doce hora! Mais uma vez, deixe-me ver

Seus formulários airly luz de encantamento e alegria

Vem, dar um velho amigo, enquanto ele coroas seu vidro gay

A homenagem como você parte e um sorriso enquanto você passa


vinho! Venha me trazer vinho para me animar

amigo do meu coração! Venha promessa me alto!

vinho! Até os sonhos da juventude são novamente perto de mim

Por que eles devem me deixar, me diga, por quê?


Eu não consigo te esquecer, eu não iria renunciar

Há saúde em meu pulso, e um feitiço no meu vinho

e sol no outono, tho 'passagem muito breve

é mais doce e mais caro do que o sol, em junho


Oh Sweet Were The Hours (Ludwig Van Beethoven)


Oh sweet were the hours, when in mirth's frolic throng

I led up the revels with dance and with song;

When brisk from the fountain, and bright as the day,

my spirits o'erflow'd, and ran sparkling away!


Return, ye sweet hours! Once again let me see

Your airly light forms of enchantment and glee

Come, give an old friend, while he crowns his gay glass,

A nod as you part and a smile as you pass.


Wine! Come bring me wine to cheer me,

Friend of my heart! Come pledge me high!

Wine! Till the dreams of youth again are near me,

Why must they leave me, tell me, why?


I cannot forget you, I would not resign

There's health in my pulse, and a spell in my wine.

And sunshine in autumn, tho' passing too soon,

Is sweeter and dearer than sunshine in June.


Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS