• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    Índios habitavam em paz as suas ocas
    Até que as raposas deixaram suas tocas
    Vieram pelo mar com a cruz e a espada
    Pra roubar e violentar a nova terra imaculada
    Pretensiosos, senhores da razão
    Queimaram na fogueira o valor da intuição
    Extermínios, catequeses e a ‘Santa' Inquisição
    São séculos de crime, tortura e escravidão

    Navios negreiros não cruzam mais o oceano
    Mas o trabalho e o dinheiro continuam escravizando
    Impondo ao mundo a cultura do capital
    Materialismo, acúmulo e o pensamento individual

    Abstrairei os ataques da propaganda
    E os valores egoístas que eles vêm para pregar
    A mentira secular de trabalhar para viver
    E a rotina angustiante de viver pra trabalhar
    A concorrência de mercado e a histeria produtiva
    A sociedade de consumo e seu sentido sem sentido
    Marginalizam o ócio e a vida contemplativa
    Sufocando almas num deserto criativo

    Navios negreiros não cruzam mais o oceano
    Mas o trabalho e o dinheiro continuam escravizando
    Impondo ao mundo a cultura do capital
    Materialismo, acúmulo e o pensamento individual
    O sangue e o suor dos povos do mundo inteiro
    São oferendas colocadas no altar do deus dinheiro
    Mas essa forma de existência desumana e limitada
    Será em breve abolida e pelo amor superada

    É fato sabido que o luxo só existe as custas de muita miséria
    Que o Bem estar social é privilégio de poucos
    E se pratica uma lavagem cerebral disfarçada com o nome de entretenimento
    Mas mesmo diante da maior das atrocidades, não experientaremos sentimentos como o ódio e o desprezo

    Ao invés disso nossos corações transbordarão amor e compaixão.

    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Forfun

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.