O Cara

Fernando e Sorocaba

Acústico na Ópera de Arame


Ri da minha cara
Diz que eu sou um nada
Vai pensando que eu já cai na sua cilada
Quanta confiança
Brincou na hora errada
Pensa que me passou pra trás
Eu sou o cara.

Saca só, vem mexer com quem ta quieto
To na boa to esperto
Superando o que aconteceu
Não quero ser vingativo
Mas também não sou passivo
As pancadas que você me deu

Então só para te avisar
Lembra da sua amiga a Camila aquela gata baita avião
A danada foi bandida,
Esqueceu que é sua amiga e também passou na minha mão
Nada pessoal.

Compositor: Sorocaba

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Fernando e Sorocaba no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS