Fernanda Brum

Palácios

Fernanda Brum


Não se acende a luz do sol.
Com duzentos e vinte volt`s
Dos palácios de Brasília
Não se acende a luz do sol.
Com a chave de um carro
Conversível do ano.
Não se acende a luz do sol.
Com a ponta de um cigarro
Um baseado ou coisa assim.
Pra que medir forças.
Com o sol da justiça
Pra que querer brilhar mais
Que a estrela da manhã
Pra que combater o bem com o mal.
De que lado você está?(2x)
De que lado você quer ficar.

Aonde está a honra
Dos orgulhosos? A sabedoria mora
Com gente humilde.
Liberdade, Liberdade, Liberdade.

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Fernanda Brum no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS