Brisa

Ezequiels


Estou voltando pra casa,
Já não conto as vezes,
Que está em meio a poetas,
É saber que não é meu lugar,

Estou voltando pra casa,
Já não sou o heróI que um dia lutou,
Contra seus inimigos mortais,

Amor confesso que chorei nas noites sem você,
Eu sou pardal em meio as andorinhas,
Um menino indefeso em meio aos dragões,

Amor confesso que não sei controlar,
É que a saudade invade meu peito,
E nesse coração ela transforma em lar,

Amor, é nessa hora que consigo te olhar,
Eu fecho pra poder te enxergar,
E o espaço que tinha em meu peito,
A saudade invadiu e transformou em lar...

E quando a brisa chegar em meus olhos (deixa estar)
E quando a brisa chegar em meus olhos (me deixo levar)
E quando a brisa chegar em meus olhos (me deixo levar)
E quando a brisa chegar em meus olhos
(vou ver o mundo mudar)
E quando a brisa chegar em meus olhos
(tua lembrança chegou, eu vou chorar)

Compositor: Marcos Pagu

Letra enviada por Marcos Pagu

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Ezequiels no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS