Página inicial > Infantil > E > Estilo da Crítica > Som de Estilo Part. Cabal

Som de Estilo Part. Cabal

Estilo da Crítica


Música: Som de Estilo (part. Cabal)
Álbum: Além da linha reta

BOCA
O som de estilo
Que pega na veia
Limpa o ouvido
Até o cérebro incendeia

Faz raciocinar
O louco e o sábio
Distribui informação
Dentro do tempo hábil

Como uma lição
Abre os olhos conscientiza
Ou então um encanto
Que logo hipnotiza

Revela o escondido
Por alguém camuflado
Ataca o infrator
E os demais ao seu lado

Quem possui cabeça fraca
Não consegue suportar
assim que começa
O nível elevar

É muito desespero
Complica os ideais
Além de novidade
Sempre traz aquela paz

Não há hora pra escutar
Muito menos um lugar
Aumenta o volume
E deixa o som te levar

Soa o alarme
Um intruso em sua mente
Entrou pelo ouvido
E se espalha lentamente

Acordando cada célula
No qual é alimento
Não passa muito tempo
Começa o movimento

Se contrai pelo ar
Desconhecida a vacina
Uma vez infectado
É lançado para cima

Levanta os doentes
Com idéias diferentes
Surge pelos lados
De modo surpreendente

Contagiando os presentes
Em qualquer ocasião
Não há pra onde correr
Está a solta o esquadrão

Invade sem mandato
Na captura do retrato
Fazendo o correto
Registrado está o fato

Nas praças nas ruas
em todos os lugares
O som de estilo
Se espalha pelos ares




DG

Sim! Esse é o som
Que você se identifica
DG te mostra
O que a verdade inexplica

Na real
Todos de ouvido bem abertos
Personalidade própria
Agora tem muitos adeptos

Eu não to na rua
Pra andar como refém
Visão pra frente
Eu enxergo mais além

O conceito do bom som
Agora está no ar
Quem conhece ta ligado
Que não há o que falar

Para um bom ouvido
Um rap louco basta
Ajuda em toda vida
E os males sempre afasta

O sangue nas veias
Bombam a cada frase
Uma faixa trocada
É como passar de fase

O coração acelera
Chega perto de um enfarte
Entra a maca
Desespero em toda parte

Um observador
Somente assiste a cena
O ambiente está confuso
Inesperado esse tema

Som de Estilo
Daqui até o fim
Quem viver verá
Que conosco é assim

Sem preguiça nenhuma
Acordando a vizinhança
Cada frase uma verdade
Está guardada na lembrança

A qualquer distância
Audível aquele evento
Quem ta fora quer entrar
Pra ganhar o movimento

De vento em vento
O som sempre se alastra
Captada a mensagem
O ouvido te arrasta

Contra um lugar
Onde possa se encontrar
Um estilo de vida
É só ter tempo de pensar

Continue a remar
Pro lado que acredita
A mensagem te ajuda
Se a cabeça se complica


Cabal

Clássico
Ouve o som destilado no ar
Deste lado da família
Destinado a brilhar

Como o Sol
Que nasce no céu um astro
Deste lado
Do povo como Fidel Castro

Revolucionário
Sou um missionário
PROHIPHOP
E aí P. Rima Visionário

Curti o violino
Lembro que eu vi o Lino
Cantando som de drão
Gravando o som ação

Evolução é forte
Firmeza Zona Norte
Não conto com a sorte
Eu canto até a morte

Ou seja
Só paro quando para o coração
Ou seja
Veio do berço vai até o caixão

Então veja
Aqui chove na tempestade
Não sou ator
Eu represento a verdade

Por isso chego pra levar
Por isso
Chego pra levar chego pra ficar
Politicar
Com os meus irmãos, fabricar

Rima de festa
Que protesta a política
O som de estilo
É também o som da crítica

Estilo cachorro,
Estilo do morro,
Estilo de gorro,
Estilo que faz o falso gritar Socorro

Estilo invasão do jogo
Guerra, Iraque
E nesse jogo
Sou artilheiro no ataque

Sua defesa não me para
Então esqueça
Não abra a boca
Senão abro sua cabeça

Porque o Cabal cala
Quem fala demais
Como uma bala na paz
O Cabal fala e faz

2003
Depois do carnaval
Além da linha reta
Vem o PROfissional

Compositor: Dg, Boca, Cabeça E Cabal

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Estilo da Crítica no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS