Silêncio

Erro 061

Pane no Sistema


Quanto custa tua liberdade?
Até onde vai tua coragem?

O sistema que dita
O que tu acredita
Dês de sempre colônia
Ideologia vendida

Quanto custa tua vida
Mais uma alma vendida
Pelo prazer material
Embriagado de terno e rotina

Carimbos, papéis
Quantos reais
Quantos mil-réis
Sai cedo de casa e não olha pra traz
Quem deixou já não quer ficar mais
Já não quer ficar mais

(Refrão)
O silêncio que te conforta
É o que te joga na sua cova
O silêncio que te conforta
É o que fecha todas as portas

Quanto custa tua liberdade?
Até onde vai tua coragem?

Corre corre sem direção
Esquece os valores e pega o cifrão
Mais um corpo sem coração
Vive momentos traçados em vão
No fim do dia em quem acreditar
Se todos querem tentar te abalar
No fim do dia em quem compensar
Se estar vivo é saber desfrutar

Eu tenho medo da vida que levo
Pra onde vai ou tanto faz
É o peso que eu carrego
Penso analiso observo
Mas pra angústia não acho remédio
Já não acho remédio

(Refrão)
O silêncio que te conforta
É oq te joga na sua cova
O silêncio que te conforta
É o que fecha todas as portas

Compositor: Mateus Carvalho, Estevão Assumpção

Letra enviada por Banda Erro

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Erro 061 no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS