A corja

Engrennagem


Suas mentiras podem ser, as esquinas onde voce vai apodrecer
Sua soberba é monitor cardiaco
Que para seu coração, para de bater
Ainda pouco você estava a implorar
Sempre fingindo ser aquele que nao é
Persuadindo os unicos que poderiam te colocar aonde voce quer

Aqui se faz, aqui se paga
Vocês terão oque merecem
Sua atitude trouxe as chaves que vai me abrir as portas
Pra Babilonia

O poder pode ser fatal
Essa corja tem veneno mortal
O poder pode ser fatal quando sobe pra cabeça
Essa corja tem veneno mortal

E a manipulação daquele que é mais fraco
Sempre foi algo tao sedutor
E a vingança vem numa bandeja de prata
Pra quem nao marchou pra voce

E a sujeira apareceu por que nao passa
Não passa nada e nem fica escondido
E os laranjas foram cabides de um governo maldito

Aqui se faz, aqui se paga
Vocês terão oque merecem
Sua atitude trouxe as chaves que vai me abrir as portas
Pra Babilonia

O poder pode ser fatal
Essa corja tem veneno mortal
O poder pode ser fatal quando sobe pra cabeça
Essa corja tem veneno mortal

Henry
E os ministros da côrte
Que te deixaram muitas vezes falando sozinho
São os mesmo que agora, os que estao fingindo que nada disso aconteceu
Ainda pouco eles estavam a implorar
Sempre fingindo ser aqueles que não sao
Colaboraram com todo aquele esquema
De fraudes corruptos e manipulação

O poder pode ser fatal
Essa corja tem veneno mortal
O poder pode ser fatal quando sobe pra cabeça
Essa corja tem veneno mortal

Letra enviada por Jade Vitureira

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Engrennagem no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS