• Vagalume
  • A-Z
  • Estilos
  • Top 100
  • Playlists
  • Rádio
  • Hot Spots
  • Notícias
  • Play
    PLAY

    [Intro]
    (Bendito, louvado seja)
    Isso é pra afastar todos os maus espíritos, sai! Axé
    Sempre foi quebra de corrente, sem brincadeira
    E a sua luta escondida na dança é igual capoeira
    Resistência mocada na trança, beleza guerreira
    A magia de um talo de arruda que vale uma floresta inteira
    Abre o olho maloqueiro, maloqueira
    Não dorme de toca
    As pessoas são como as palavras
    Só tem sentido se junto das outras
    Foi sonho, foi rima, hoje é fato pra palco
    Eu e você juntos somos nóiz
    "Nóiz" que ninguém desata
    A rua é nóiz!

    [Verso 1]
    Ser livre tem preço no mundo, onde preto assusta
    Quer saber? A tempo não pergunto quanto as coisa custa
    Sei que é uma guerra injusta, mas ela encrusta
    A tela frusta, nóiz manda busca linha chilena
    Povo igual fusca, voltei pra arena, truta
    Minha Jessica Alba aqui, do meio das talma vi
    De Fiat Elba ali, jantei pão, com barba vi
    Cargas de cargas de
    Sofrer sem ter Dário, vários diário
    Vários trapaceando
    Aê, tô pra falar esse bagulho pro cês à 400 anos

    [Refrão
    Bendito, louvado seja

    [Verso 2]
    Minha rima é de surra, esquisita igual Mun-Rá
    Contra mente burra, o infinito vive igual Sun Ra
    Perdeu 'boy, vim do inferno igual Hellboy
    Click, flash, então vai, vai
    Pouco ideia igual haikai
    Etiópia, Guerra Fria, razão no breu
    Eu usei meu rancor, munição pesada no meio da selva, deu
    Passagem pro amor, criança sorrindo no meio da relva, Deus
    Juntei todas cor, qual outro arco-íris surgiu dessa merda, meu?
    Dinheiro nóiz gosta igual Peri, alto, tomamo de assalto
    Do topo do ranking mais triste da city pro topo do palco
    Vermelho Xangô, fogo, a esperança é álcool
    Sonho de Clementina, sonho de Zumbi
    Esse é o sonho de Malcolm

    [Refrão
    Bendito, louvado seja

    [Outro]
    O negro é lindo e desde de Jorge Ben
    No meu alforge tem, filme mais de 100
    Pose, Kodak, Leica, Fuji
    Tudo pra que eu, hoje 'regaçasse' igual
    Doze por Angola, Gege, Niqueto
    Fiz com a passarela o que eles fez com a cadeia e com a favela
    Enchi de preto
    Fiz com a passarela o que eles fez com a cadeia e com a favela
    Enchi de preto

    [Refrão
    Bendito, louvado seja

    Letra enviada por João Humberto
    Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção »

    Comente
    user 300 caracteres restantes. Enviar

    Todas as letras de Emicida

    Publicidade
    Notícias
    Mais notícias »
    Hot Spot
    Top Músicas do Vagalume
    Top 100 »

    As informações deste site são postadas integralmente pelos usuários. É importante dizer que é possível que os dados estejam desatualizados ou incorretos, sendo assim, o Vagalume exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas.Caso haja interesse em remover ou alterar alguma informação, entre em contato conosco.


    É permitida somente a visualização no site das letras de músicas encontradas aqui, vedada sua reprodução através de quaisquer outros meios (Lei 9610/98).Todas as letras de músicas são propriedade dos seus respectivos autores e divulgadas somente para fins educacionais.All lyrics are property and copyright of their owners. All lyrics are provided for educational purposes only.