Página inicial > Hip Hop > E > Emicida > Eu Tô Bem

Eu Tô Bem

Emicida

Pra Quem Já Mordeu Um Cachorro Por Comida, Até Que Eu Cheguei Longe...


(Aí!) Irmão, olha a minha face,
Nunca vi problema em ir de 1ª classe
Em dizer: 'Tem do que? Vai querer?'
Tá, pó trazer, fazer o que se quer fazer,
Sonhar sem pensar em carnê, conclusão:
Ter crédito na palavra e no cartão
Conta paga, sonho de quebrada;
Tá vivo é uma coisa, se sentir vivo é outra parada
Vai, olha o que cê tem ao redor,
Vale a pena, então levanta, dá o seu melhor
Nobreza é espírito puro, verdadeiro
Quanto a pobreza, essa sim tem a ver com dinheiro
Vi de dentro 99% dos tipo de miséria,
Acho que sei o quanto essa parada é séria;
Eu vejo DVD's do Wu-Tang, mas vejo "Pequenas Empresas e Grandes Negócios" também.

[Refrão]
É hora do show (Assim?)
Melhorou (Que tal?)
Um boot pra combinar (E ae?)
Se ligou? (Heeey)
É tão bom relaxar nesse lugar (Eu tô bem!)
Com riso bonito de quem chorou tanto
Até o infinito através do meu canto
Com a fé no meu santo
Pros cara sem pranto (E eu?!)
Para, eu garanto!

Porto Alegre: Cachecol (Hã)
Porto Seguro: Óculos de sol (Ahã)
Porto de galinhas: Sundown, Sundown;
Não preciso de um boné de 500 conto (Não!)
Preciso de um boné que eu gosto e pronto,
Tinta pra escrita já me deixa feliz (Como quis)
Moças bonitas com sorriso de Miss (Tipo atriz)
Foi várias fita, vivi por um triz (Seu Juiz)
Com toca-fita olha tudo que eu fiz (Então please)
O que nos diz respeito:
Alegria, paz
Coisas que não se vê todo dia,
Crer no sonho não é coisa da infância
Eu pedí, não perguntei o preço (Que Petulância!)
Pretos foram escravos, serviçais, reis a um tempo
atrás,
Não preciso dizer com qual me identifico mais,
Solta o cabelo, vai esbanja
Tipo: "Jaime, o menino está com sede e nós não temos
laranja"

[Refrão]

O rapaz da gravadora ligou (Ligou!)
Só que eu fui idealista demais, aí ele desconversou,
Só falto dizer: "Foi engano!"
Putz, tinha que ter gravado isso mano;
Pensei e dispensei
Após refletir: Por que nós?
Ou melhor: Por que não nós?
Sem querer ser outra parada, gritar (West Coast!)
E ser real, natural igual cabelo crespo(U)!
Mostrar mais meu sorriso amarelo (Pin!)
Mamãe, você é uma rainha e eu tô providenciando o
castelo;
Na de compor (Hoo!)
Na de me recompor, pela história
Não é trampo, tô só temperando as vitória;
Destaque no aeroporto, estranho no ninho
-Moça tá olhando o quê?
Faz aí o chequim dos irmãozinho;
Sou o Emicida da rinha,
Tá vendo aquelas pegada de barro no tapete vemelho?
É minha!

[Refrão]

Compositor: Emicida & Daniel Cohen

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Emicida no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS