Emerson, Lake And Palmer

Hallowed Be Thy Name (tradução)

Emerson, Lake And Palmer

Works Vol. 1


Hallowed Be Thy Name


Pode haver um momento em om

Mas há muito poucas pessoas em foco

não o primeiro, não o último, mas não menos

Você não precisa ser assim para ser rico

Mas você tem que estar inteiro para ser santo

Fetch a corda, pegar o relógio, buscar o padre

Oh este nosso planeta é uma bagunça

Aposto que o Céu é o mesmo

Olha o louco disse: "Filho

Como um amigo, diga-me o que há em um nome"

santificado seja o teu nome


dou-lhe o estado de estadistas

E a chave para o que os motiva

À esquerda, à direita, na unha

Ainda não vejo um homem em uma mansão

Que uma caneta precisa não irá perfurar

Ir para a cidade, ir para o inferno, ir para a cadeia

e bares e salões de lá

Quando o jukebox toca azuis no meio da noite

Até o louco diz: "Filho

Hora de ir poderíamos tanto usar um pouco de luz

E teu será feito


Vivemos em uma época de gaiolas

O conto de um macaco escapar

Na busca de alguma verdade que ele pode usar

Mas muitos um bêbado chegou bêbado

E principalmente um pensador, thunker

Definir o lugar, defina o tempo, defina o fusível

O otimista eo pessimista riu chorou em seu vinho

E o louco disse: "Filho

Dê uma palavra que tudo vai acordar determinado momento"

Que venha o vosso reino


O louco e eu fiquei bêbado

Até que tanto pensou que o outro tanque você

E nós rimos todo o caminho para as estrelas

O otimista pediu um gosto de vinho do pessimista

E o louco disse: "Filho

Como você se sente? " Eu disse: "Eu? Eu me sinto bem

Leva-me em tentação

em tentação

eu disse em tentação

Eu preciso do meu alocação de recreação

Eu quero uma revelação em degradação

Sem hesitar, me dê variação, dar me inspiração... "

Hallowed Be Thy Name


There may be an om in moment

But there’s very few folk in focus

Not the first, not the last, not the least.

You needn’t be well to be wealthy

But you’ve got to be whole to be holy

Fetch the rope, fetch the clock, fetch the priest.

Oh this planet of ours is a mess

I bet Heaven’s the same

Look the madman said, "Son,

As a friend, tell me what’s in a name,"

Hallowed be thy name.


I give you the state of statesmen

And the key to what motivates them

On the left, on the right, on the nail

Still I don’t see a man in a mansion

That an accurate pen won’t puncture

Go to town, go to hell, go to jail.

And there’s bars and saloons

Where the jukebox plays blues in the night

Till the madman says "Son,

Time to go we could both use some light"

And thy will be done.


We live in an age of cages

The tale of an ape escaping

In the search for some truth he can use

But many a drunk got drunker

And mostly a thinker, thunker

Set the place, set the time, set the fuse,

The optimist laughed and the pessimist cried in his wine

And the madman said “Son,

Take a word they’ll all wake given time”

Let thy kingdom come


The madman and I got drunker

Till both thought the other tank you

And we laughed all the way to the stars

The optimist asked for a taste of the pessimist’s wine

And the madman said “Son,

How do you feel?” I said “Me? I feel fine

Lead me into temptation

Into temptation

I said into temptation

I need my allocation of recreation

I want a revelation in degradation

No hesitation, give me variation, give me inspiration...”

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS