Abrigo

Emanuel Pinheiro e Erik Jhonathan


Ela é tão especial para mim
Exemplo de mulher, luz que ilumina a alma
Perfume de jasmim, um doce querubim
Sempre tenho a agradecer
Por tudo, andar e crescer
E eu vou, guardar, pra sempre ser
Aquele menino que você ensinou a viver
Até hoje eu estou ao seu lado
E posso dizer o quanto fico grato
Por sua voz

Me dizendo o que fazer
Me ensinando o saber
Eu vou te sentir
Cada vez mais perto de mim

Mãe sou teu fruto
Num coração de amor
Tu és meu abrigo
Em forma de amor
Mão sou teu fruto
Tua esperança, teu filho amado
Teu querido amor

Um presente melhor, impossível
Hoje me vejo tão grandão
Muitas lembranças vêm e vão
Mãe, sinônimo de amor
Que te ajuda na dor
Se faz de cobertor
Graças a um coração tão grande
Que nem cabe na palma de uma mão
E eu vou agradecer
Por me ensinar a viver
E eu vou agradecer
Por me ensinar a viver

Me dizendo o que fazer
Me ensinando o saber
Eu vou te sentir
Cada vez mais perto de mim

Mãe sou teu fruto
Num coração de amor
Tu és meu abrigo
Em forma de amor
Mão sou teu fruto
Tua esperança, teu filho amado
Teu querido amor

Sou teu filho, teu amado
Teu querido, teu amor-ô-ô-ô
Sou teu filho, teu amado
Teu querido, teu amor-ô-ô-ô

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Emanuel Pinheiro e Erik Jhonathan no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS