Banquete de Honra

Eliã Oliveira

A Carta


O céu vai se abrir. E em gloria Jesus vai voltar pra levar sua igreja
Será derrepente. Num piscar de olhos a igreja de cristo ira subir

TODOS: Gritos e lamentos na terra ouvirão dor e sofrimento e a decepção, pra quem rejeitou pra quem não vigiou, do povo escolhido aqui também zombou
Os pais a procura dos filhos em dor, filhos a procura dos pais em pavor, que ouviram os gritos e alguns que entenderam, Jesus veio, e sua igreja ele arrebatou

A igreja comprada com sangue lavada, a noiva adornada bem ataviada, a eleita amada, no céu aguardada, então subirá (então subirá)
E a igreja triunfante, vivendo o momento, mais lindo da historia, e o encontro com o noivo, nas nuvens do céu, veremos ali face a face o cordeiro que a morte venceu
Esta chegando a hora, daqui vamos embora
Esta chegando o dia, o dia da grande vitoria
Jesus falou pra quem vencer, o céu é só pra quem vencer
Só vai subir quem vencer, Canaã é pra quem vencer

E no grande banquete, a festa mais aguardada chegou, e o noivo prazenteiro a servir sua noiva com tanto amor
Ó pai eis aqui o povo que comprei, com sangue que um dia na cruz derramei, é o banquete de honra pra o povo eleito que eu resgatei

E cantaremos (Santo Santo é o Senhor
E cantaremos (Aleluia Hosanas ao Rei
E cantaremos santo pra sempre, Santo eternamente (santo e cantaremos pra sempre e reinaremos pra sempre. Pra todo sempre amém
E cantaremos (Santo Santo é o Senhor
E cantaremos (Aleluia Hosanas ao Rei
E cantaremos santo eternamente (santo e cantaremos pra sempre e reinaremos pra sempre. Pra todo sempre amém

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Eliã Oliveira no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS