Agindo Deus

Eliã Oliveira

É Ele


(CORO)
Agindo Deus meu irmão, quem, pois impedirá?
Ele tem o poder de fazer, refazer, abater e exaltar
O que Ele quer Ele faz, sem pedir permissão
Pois Soberano Ele é, e pra nos fazer vencer cria situação.

Um certo rei, arrogante, orgulhoso
Se achando que era o tal, foi ai que se enganou
Em um banquete que ele mesmo preparou
Muito vinho muita festa, outros deuses adorou
Como se não bastasse usou os vasos sagrados
Com seus reis e suas mulheres, o sagrado profanou
Em plena festa o rei para assustado
Apavorado, perturbado, estava quase a desmaiar
Via uma mão misteriosa que escrevia na parede do palácio
Que não pode decifrar
Mandou chamar a Daniel que ao contemplar a escritura
Entendeu: Quem esteve aqui foi Deus
Eu bem conheço essa mão, essa escritura
E nenhuma criatura jamais assim escreveu
E esta é ó rei tua triste sentença, o que escrito está ai
Sei não irá te agradar: Mene mene tequel ufarsim
Ouça bem vou traduzir assim fala Jeová:
Pesado foste na balança e achado em falta
O teu reino foi tomado para nunca mais voltar.

(CORO)

Quando Deus quer agir ninguém pode impedir
Se Ele decretou vitória ninguém pode contender
Quando Ele quer agir no sobrenatural
E o homem que é carnal fica sem compreender
Deus contraria até as leis da natureza
O impossível, o inexplicável
E o que não pode acontecer
Deus é assim Ele ordena e acontece
O invisível aparece Ele tem todo o poder
Pra dar vitória a um filho seu ninguém imagina
O que esse Deus lá de cima é capaz de aqui fazer.

(CORO)

Pois Soberano Ele é, e pra nos fazer vencer cria situação.
Deus é Deus...

(POR CLAUDIA PACHECO)

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Eliã Oliveira no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS