Benvinda

Élcio Prado


Benvinda, à minha casa.
Se o vento te traz, entra.
Se trazes a paz, senta.
Se queres chorar, tenta.
Que eu conto contigo.

Benvinda, vem me ensinar a saída.
Pois faz parte da vida.
Enxergar e aprender a amar.

Benvinda, não vá agora.
Preciso falar, tanto.
Precisas ouvir, tanto.
Eu vou te contar como, me sinto sozinho.

Benvinda, vem me ensinar a saída.
Pois faz parte da vida.
Enxergar e aprender a amar.

Benvinda, Benvinda, Benvinda, Benvinda, Benvinda.

Letra enviada por Irwing Versani Callou

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Élcio Prado no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS