Página inicial > Forró > E > Elba Ramalho > Olhos Acesos

Olhos Acesos

Elba Ramalho


Eu canto como quem sofre
A seca da plantação
Sou uma arara ofendida
Fugindo da solidão
Chora sanfona agrestina
Fundo do meu coração
Eu sou que nem andorinha
Quando começa o verão
Lugares,gente, saudade
Selva, cidade, sertão
Há tanto amor que acalanto
Dentro de mim um vulcão
Berram guitarras aflitas
Soltas na minha canção
São tantos olhos acesos
São tantos passos no chão
Eu canto como quem pinta
O verde da plantação
Eu sou que nem os riachos
Quando termina o verão

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Elba Ramalho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS