Dominó

Elba Ramalho


Pegue o cigano e bote perto da mentira
E a mentira bote perto do cigano
O alfaiate bote pertinho do pano
E o pano na pele do caipira

O topázio encrustado na safira
E na mira do fogo dos diamantes
O desejo bote perto dos amantes
E os instantes no vôo de quem não deu

Pegue o destino e bote perto da viagem
E a viagem bote perto do destino
O sacristão bote pertinho do sino
E no símbolo a ponte da miragem
O valente bote perto da coragem
E na margem o lado que não presta
O boêmio bote perto da seresta

E na fresta do olho que não vê

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Elba Ramalho no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS