Página inicial > E > Elaine Amorim > Filho Pródigo

Filho Pródigo

Elaine Amorim


Pai dê minha parte da herança por que eu quero partir
Quero viajar por esse mundo conhecer outras cidades
Pois eu quero a minha vida curtir
Meu filho tome agora o que é seu
Mas nunca se esqueça de Deus
O pai com o semblante muito triste
Coração despedaçado vendo seu filho partir
Chegou em uma certa cidade
Arrumou novas amizades para a festa começou sair
Pensando ser o dono de tudo
Que podia comprar tudo
Seu dinheiro nunca acabaria
Chegou em uma certa situação
Não tinha nenhum tostão
Seu dinheiro acabou
Sozinho começou a mendigar
Ai que foi se lembrar
Pra casa do pai voltar

E aquele jovem gastou todo o seu dinheiro
E começou a passar por necessidades
E foi pedir ajuda a um homem daquela região
O qual mandou ele ir cuidar dos porcos
Mas a fome era tão grande
Que ele desejava comer o que era dado aos porcos
Foi quando ele caiu em si e disse
Quantos trabalhadores de meu pai tem fartura de pão
Levantar me ei e irei ter com meu pai
Pedirei lhe perdão pra que ele me aceite de volta
Como um de seu simples empregado
E então ele partiu

O pai quando olhou o seu filho
Todo sujo mal trapilho
O abraçou e começou chorar
E disse tome o seu anel de volta
Tragam lhe umas vestes novas
Com um novilho vamos festejar
O povo perguntou qual a razão
Pra fazer esse festão qual seria o motivo
O velho respondeu com alegria
E com grande harmonia
O meu filho retornou
Ele retornou e veio para ficar
A minha vitória acabou de chegar
Porque quando eu pedi ao senhor insisti
Ele me atendeu
Irmão não se cale e comece a adorar
O Deus de milagre esta nesse lugar
Enquanto você adora
A sua vitória Deus vai entregar
Pai o seu filho está de volta
E nunca mais irá partir

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Elaine Amorim no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS