A Eleita

Eduardo Schenatto

A Flecha


Declamação
Quem é esta que vem rompendo como a luz da aurora
Que reflete a glória do cordeiro desde a sua fundação
Igreja, tu és a eleita, não cale a sua voz
Pois as portas do inferno não prevalecerão contra ti

Eu faço parte de um grupo inconformado
De um corpo glorioso que abomina o pecado
Mais que uma instituição e um exército real
A igreja é a luz que no mundo vence o mal
A igreja está marchando, triunfante, está lutando aqui
E apresentando a glória que há de vir
Sua fonte está em Cristo, a grande fundação
Pode até ser perseguida pelo mundo oprimida
Mas não desistirá da sua grande missão
Libertando os cativos, transformando os aflitos
No poder da oração

Pela fé e não pelo que se vê a igreja é a eleita
Para revelar ao mundo o poder
Na unção, libertando corações, destruindo as prisões
Sem bandeira branca para o mundo
A igreja marcha, a igreja batalha
a igreja triunfa, a igreja não se cala
A igreja marcha, a igreja batalha
a igreja triunfa, a igreja não se cala

Igreja, permaneça firme pela esperança
que vos está reservada nos céus
Reservada nos céus, eis que em breve
virá o vosso salvador
Aquele que transformará toda dor em alegria
Permaneça fiel até o fim

A igreja não se cala, a igreja não se cala
a igreja não se cala

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Eduardo Schenatto no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS