Página inicial > Pop/Rock > E > Eduardo Dussek > Olhar Brasileiro

Olhar Brasileiro

Eduardo Dussek

A Arte de Eduardo Dusek


E agora só
Sentado nessa sala que não é minha
E que claro por ironia

Me parece tão familiar
Me vem você
Me vem a sua cara
Sua conversa apimentada e rara
E assim digamos tão particular
Escuto o ritmo
Daquele seu simples pandeiro
E até sinto aquele cheiro
De amor e de samba espalhado no ar
E, minha nossa, de repente eu me lembro
Era verão e a gente ficava bebendo
Ia vivendo à beira mar

Todo o mundo sentado
Na varanda do nosso sobrado
E sonhando, altas horas, acordado
Olhando fixo pro luar

Era seresta
Era uma festa ver você e se apaixonar
Era seu jeito, seus defeitos
Sua maneira de se dar

Era tão quente
Era pra gente tão maneiro que de repente
Você ganhava o mundo inteiro
Simplesmente com o menor
E mesmo agora
Sendo eu o único que resta
Talvez daquela festa
Talvez daquele mar

Eu dou um jeito
Teto fugir, tento esconder mas me ajeito
Me acomodo pois me dói o peito
Somente por tentar lembrar
Daquele cheiro, daquele pandeiro
Daquele Rio de Janeiro
Daquele seu verde olhar brasileiro
Que era meu

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Eduardo Dussek no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS