Edith Piaf

Mon Homme (tradução)

Edith Piaf


Mon Homme


Nesta terra, a minha única alegria, minha única felicidade

Este é o meu homem

Eu dei tudo que eu tenho, meu amor e meu coração

No meu homem

E mesmo à noite

Quando eu sonho, é ele

Do meu homem

Não é que ele é bonito, ele é rico ou forte

Mas eu adoro isso, é bobagem

I malditos tiros

eu levo o meu dinheiro

eu estou atrás

Mas de qualquer maneira

O que você quer


I, tal como na pele

O que eu estou com o martelo

Quando ele se aproxima acabou

eu sou para ele

Quando seus olhos em mim surgir

Faz-me tudo

I, tal como na pele

Que em uma palavra

eu faria qualquer coisa

Eu mataria minha fé

Eu sinto que isso me faria infame

Mas eu sou uma mulher

E eu então na pele


Para sair é uma loucura que me ofereceu

Outros homens

Entre nós, você vê que eles não valem muito

Todos os homens

A mulher de fato

é feita apenas para sofrer

Para os homens

Em bolas, eu corri para esquecer eu bebo

Nada a ver, eu não podia

Quando eu disse: "Vem"

Eu sou como um cão

Não há nenhuma maneira

É como um link

Quem me segura


I, tal como na pele

O que eu estou dingo

O que não faz também

conhecido

Ose vir em primeiro lugar. Eu m

ter pedra

tiver na pele

Este é o pior dos males

Mas é sobre o amor

Em sua verdadeira luz

E eu digo que temos que perdoar

Quando uma mulher dá

Um homem em sua pele

Mon Homme


Sur cette terre, ma seule joie, mon seul bonheur

C’est mon homme.

J’ai donné tout ce que j’ai, mon amour et tout mon coeur

A mon homme

Et même la nuit,

Quand je rêve, c’est de lui,

De mon homme.

Ce n’est pas qu’il est beau, qu’il est riche ni costaud

Mais je l’aime, c’est idiot,

Je me fout des coups

Je me prend mes sous,

Je suis à bout

Mais malgré tout

Que voulez-vous


Je l’ai telle ment dans la peau

Que j’en de viens marteau,

Dès qu’il s’approche c’est fini

Je suis à lui

Quand ses yeux sur moi se posent

Ça me rend toute chose

Je l’ai telle ment dans la peau

Qu’au moindre mot

Je me ferait faire n’importe quoi

Je tuerais, ma foi

Je sens qu’il me rendrait infâme

Mais je ne suis qu’une femme

Et, je l’ai telle ment dans la peau…


Pour le quitter c’est fou ce que m’ont offert

D’autres hommes.

Entre nous, voyez-vous ils ne valent pas très cher

Tous les hommes

La femme à vrai dire

N’est faite que pour souffrir

Par les hommes.

Dans les bals, j’ai couru, afin de l’oublier j’ai bu

Rien à faire, j’ai pas pu

Quand je me dit: “Viens”

Je suis comme un chien

Y’a pas moyen

C’est comme un lien

Qui me retient.


Je l’ai telle ment dans la peau

Que j’en suis dingo.

Que celle qui n’a pas aussi

Connu ceci

Ose venir la première

Me je ter la pierre.

En avoir un dans la peau

C’est le pire des maux

Mais c’est connaître l’amour

Sous son vrai jour

Et je dis qu’il faut qu’on pardonne

Quand une femme se donne

A l’homme qu’elle a dans la peau…

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

ÚLTIMAS

ESTAÇÕES

ARTISTAS RELACIONADOS