Página inicial > Rap > D > Drik Barbosa > Luz (Part. Emicida e Rael)

Luz (Part. Emicida e Rael)

Drik Barbosa

Drik Barbosa


Sou farol das estrela
Chama da esperança acesa, sou pólvora negra
Filha da gratidão, verso constelação
Pra acordar a multidão
Luz do luar acende a noite que é pra dor não me cegar
Eu sou da bênção, bença mãe que me guia na trilha turva
Cautela por essas curva, perigo na esquina
Tô só nessa guerrilha braba criando essas rima braba
Calando essas língua que me subestima
Botando estatísticas, o sentido é pra cima
Nas andanças artísticas, energia é ímã
Longe da obscuridade, quer me dar rasteira
Mas sempre tive passo firme, a alma incendeia
Estrelas morrem, pico brilha, herança pra regar
Eu canto plantando a semente, amor pra cultivar
O ódio é tóxico e a propósito
O meu propósito é cantar pra libertar

Porque andar com fé eu vou (Na fé eu vou)
Eu sei que a vida às vezes dói (Às vezes dói)
Cê pode ser fonte de amor (Fonte de amor)
Porque o ódio é que destrói

Eu vim pra ser luz
Vem pra iluminar
É tanta neblina, tensão desanima
Mas só que eu sou luz
Que na escuridão clareia
É fé que corre na minha veia
É proteção que me rodeia
Que sempre vai me acompanhar

[Emicida]
Tendeu? Pega os novos e tira a prova
O breu emana da desova e o reparte estilo Sharapova
Pros judeus chama Tova, ó minha trova
Explodo um bilhão de vezes maior, prazer, Supernova
Olhos de azeviche, treta, vish, preta base quente
Brilha nessa chuva tipo piche
Ataco todo flanco quando canto em tantos pilares brancos
Mano, eu faço como se fosse boliche
Minha fé, minha cura é uma cultura
Que remonta uma estrutura, saca? Une as ponta
Em dia como Orum, é o Majur o nome científico
O enigma da energia escura (Procura)
Neo vermelho é mais Xangô do que Mao Tse-Tung
Inconsciente, coletivo ao Carl Jung
Mais perto que se tem de uma galáxia
É o Emicida, discorda? Pergunta pra Samsung
Entonto tipo Quart, trilha cínica
Por isso meto um beck preto, ai de outra química
Desperta o multiverso que há intitulação cênica
No fight eu quero as nota que eu tô legal de polêmica
Sensível, sou moonlight grande, foca na astrofísica
A brilhar mais que o ouro onde a cobiça é endêmica
Deixando sem palavras, sai que só te resta mímica
Orixá desse plano, tô desafiando a física, tey

[Rael]
Luz, vem pra iluminar
É tanta neblina, tensão desanima
Mas só que eu sou luz
Que na escuridão clareia
É fé que corre na minha veia
É proteção que me rodeia
Que sempre vai me acompanhar

Na escuridão clareia
É proteção pro caminhar
É oração, meu guia
É salvação pro meu dia
Na escuridão clareia
É proteção pro caminhar
É oração, meu guia
É salvação pro meu dia

Compositor: Drik Barbosa; Emicida

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Drik Barbosa no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS