Página inicial > Regional > D > Dona Onete > Carimbó Chamegado

Carimbó Chamegado

Dona Onete


Que carimbó é esse
De toque maneiro
Gostoso brejeiro
De onde é que tu vem
Vim do Baixo Tocantins
Pra tocar aqui em Belém

Que carimbó é esse
De toque maneiro
Gostoso brejeiro
De onde é que tu vem
Das cabeceiras dos rios
Dos lagos e dos igarapés
Onde a canarana é viçosa
E o tapete é mururé (Bis)

Sou carimbó de água doce
Muito diferenciado
Porque tenho o toque maneiro
Meu suingue é chamegado
Lá o branco, o negro e o índio
Deixou tudo misturado
Lundu, bangüê, carimbó
Síria, o tambor de nagô
Toada de boi bumbá

Que carimbó é esse
Um tambor é couro de cobra
Outro é couro de veado
De um pedaço de panela
Fiz um banjo improvisado
Minha flauta é de madeira
Reco-reco é de bambu
De uma cuia fiz maracá
Com lágrimas de Nossa Senhora
De um lata eu fiz um milheiro
Da raiz da sapupema construí minha vida

Que carimbó é esse

Caboclo do interior, caboclo do interior
Caboclo é dançador, o caboclo é tocador

Caboclo do interior (Bis)
O caboclo é dançador
O caboclo é tocador

Caboclo do interior (Bis)
O caboclo é tocador
Caboclo é compositor

Letra enviada por Juliana Maria Ananias Amador

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Dona Onete no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS