Presente de Deus

Dino Franco e Mouraí


Olhando o céu vejo nuvens se ajuntando
A florada esperando a chuva que vai chegar
Vejo distante o lençol branco na serra
O verde cobrindo a terra e o azul tingindo o mar

Os beija-flores e abelhas revoando
Pelas flores a deixando flutuando pelo ar
Saudando assim a festiva natureza
Incomparável riqueza que só Deus pode nos dar

Por isso eu canto este belo universo
Na poesia do meu verso elevando minha voz
Deus fez a terra com raríssima beleza
E no berço da natureza Ele não nos deixa a sós

O sol da tarde como alguém que foi ferido
Com seus raios coloridos deixa mais lindo o poente
Na capelinha ao cair da Ave-Maria
Se agradece mais um dia aos fiéis ali presentes

O céu se enfeita de estrelas cintilantes
Como gotas de diamantes de beleza convincente
Nesse momento faço minha humilde prece
A quem nunca me esquece, nosso Pai onipotente

Por isso eu canto este belo universo
Na poesia do meu verso elevando minha voz
Deus fez a terra com raríssima beleza
E no berço da natureza Ele não nos deixa a sós

Compositor: Dino Franco, Aparecido Abel

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Dino Franco e Mouraí no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS