Lavoura De Maconha

Dino Franco e Mouraí


O seu Joaquim tinha um sitio nas bandas do pantanal
E por lá chegou um moço de são Paulo capital
Falando em agricultura área experimental
- Eu trouxe para o senhor um ramo medicinal
Lugar que faz pouco frio
Se o senhor fizer um plantio o lucro é fenomenal

Seu Joaquim ficou cismado o mocinho convenceu
Eu mesmo faço o consumo de todo o produto seu
O custeio pra lavoura adiantado ofereceu
Seu Joaquim trabalhou muito mas o lucro apareceu
Produção de qualidade
O moço lá da cidade tudo que levou vendeu

Aquela fonte de renda de repente se acabou
A policia federal em sua casa chegou
Prendeu o pobre Joaquim a plantação arrancou
Seu Joaquim lá na cadeia o tal moço encontrou
Quase morreu de vergonha
Ao saber que era maconha a planta que cultivou

Mesmo sendo inocente ficou preso muitos dias
Até provar na justiça que ele nada devia
Na frente do delegado envergonhado dizia
Me faltou experiência se tivesse não caia
Bem que falava meu pai
Que esmola quando é demais até o santo desconfia

Compositor: Dino Franco/Jesus Carlos

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Dino Franco e Mouraí no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS