Página inicial > Sertanejo > D > Dino Franco e Mouraí > Defensores da Viola

Defensores da Viola

Dino Franco e Mouraí


O estado de São Paulo
Eu conheço passo a passo
Nele já ganhei dinheiro
De guardar em grandes maços
Ganhei também amizades
De homens pobres e ricaços
Vou falar de alguns deles
Que merecem meu abraço
Começando por João Felix
De José Bonifácio

Quando eu chego lá em Franca
A violada principia
Com o parceiro Tiãozinho
Escritor de poesias
Tem também o Luiz Antônio
O cantor das noites frias
Ele é um grande seresteiro
Que meu corpo até arrepia
Pra dizer bem a verdade
É um mestre em cantoria

O caboclo Ditazilo
Mora em Lençóis Paulista
É um grande defensor
Da bandeira treze listas
Ele com sua família
Qualquer coração conquista
E não ser doutor de nada
Nem tão pouco ativista
É um forte empresário
E também ecologista

São José do Rio Preto
É um berço de violeiros
Lá reside o Vieira
Um famoso catireiro
Meu amigo Cascatinha
Estupendo cancioneiro
Zé do Cedro e João do Pinho
Estimados companheiros
Zé do Rancho conhecido
Por este Brasil inteiro

É um nome do folclore
O senhor Joaquim Moreira
O poeta Geraldinho
Sempre honrou nossa bandeira
O Taviano e o Tavares
É uma dupla de primeira
Não posso falar de todas
Nesta trova derradeira
Mas envio o meu abraço
A violeirada brasileira

Compositor: Dino Franco

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Dino Franco e Mouraí no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS