Meu Diretor

Débora do Violão


Cativeiro você foi apagado da minha memória
O tempo inteiro estive acorrentado pelas tuas glórias
No Egito onde vivi pra lá não volto mas
La fui uma marionete nas mãos de satanás
A minha vida era um filme de terror
E que horror
Foi quando eu descobrir que tinha outro papel
Que alguém pagou com a vida em uma cruz cruel
Só para que pudesse ser meu diretor

Ai eu disse toma e leva minha vida
Reescreve ela de novo e faz como quiser
E pinga o teu sangue nas minhas feridas
Me salva me liberta e me põe de pé
Jesus eu te prometo não te perder de vista
No palco desta vida
És meu diretor
Na sua obra agora eu sou protagonista
Pra levar o evangelho santo do Senhor

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Débora do Violão no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS