Página inicial > Rap > D > DeadShot > Palácio da Alvorada

Palácio da Alvorada

DeadShot

Raízes


Esse aqui é o famoso Brasil da pátria amada?
Como? Se o próprio povo ouve isso e dá risada
Só lá fora eles ouve Brasil e pensa em raba
Aqui dentro a gente ouve Brasil e pensa em desgraça
Porque o governo não ajuda, o povo se mata
Pro brasileiro tudo é uma piada
Só quando cita sua vida que as coisa perde a graça
Isso aqui não é um circo pra ter tanta palhaçada
Queria que minha rima fosse muito mais visada
Não pelo dinheiro mas por ela ser pensada
Mesmo cês rimando com essa voz toda editada
Minha rima vale ouro e a de vocês não vale nada

Palácio da Alvorada
Onde ninguém vale nada
É onde o resto da sua alma é devorada
Queria falar isso na sua cara
Mas agora essa mensagem tá eternizada

Deixa eu volta pro assunto principal
Que é falar do Brasil de uma forma geral
Já que pra vocês tudo que eu faço é falar mal
Tem tanto assunto pra falar no meio musical
Às vezes é abordado mas só fica no canal
Do Youtube, do estupro à reforma presidencial
Falam tanto de pecado e satisfazem o carnal
Dar opinião é um tabu tipo anal
Porque os sons que são pensados nunca tocam afinal?

É complicado
Tô sempre armado
Não com armas de fogo
mas com pensamento preparado
Tem que toma cuidado
Tá sempre ligado
Já que agora ser assassino se tornou legalizado
O país pode tá desorganizado
Mas não é essa a realidade dos deputado
Já que o crime deles é muito organizado

Palácio da Alvorada
Onde ninguém vale nada
É onde o resto da sua alma é devorada
Queria falar isso na sua cara
Mas agora essa mensagem tá eternizada

Deixa eu ser mais claro com minhas palavras
Assim você não pensa para decifrá-las
É pra vocês de Brasília de terno e gravata
Vai tomar no cu seus arrombado do caralho

Eu tô ligado que eu saí da linha
Mas pouco me importa, essa rima é só minha
Eu fiz sim po cês coloca na lista
Mas na pouca valorização o nosso povo é especialista
Não tô dizendo isso pra irritar ninguém
Só tô dizendo isso pra acordar alguém

Palácio da Alvorada
Não tá só em Brasília
Porque tá todo mundo tendo a alma devorada
Palácio da Alvorada
Queria termina no positivo
Mas como se o que eu vivo é negativo?

(Deadshot)

Compositor: Vitor Manoel

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a DeadShot no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS