PĂĄgina inicial > C > Cris Lobo > Os Bons Olhos da Vida

Os Bons Olhos da Vida

Cris Lobo

Cada um com sua histĂłria


Pensava eu que os sĂĄbios soubessem
A origem do amor e de uma flor
De todas as histĂłrias que eu ouvi
Nada eu vi que pudesse explicar

Nada que pudesse separar o amor de uma flor
Os bons olhos da vida

Meus olhos agradecem por terem achado vocĂȘ
Por vocĂȘ enobrecer o que de pior eu tenho
Os olhos conhecem quem Ă© de verdade
Num mundo cheio de mentira

Nunca me encantei por vencer
Nunca me importei por sair vencida
Vencer ou perder Ă© a mesma ilusĂŁo
E quando se conhece o amor e uma flor,
os bons olhos da vida

E apĂłs a chuva o Sol volta a aquecer,
a brilhar, a lembrar que nada Ă© o tempo todo
Os pés que caminham numa só estrada,
mesmo numa só vai passar por pedaços difíceis

Mas se houver a esperança de que
o amanhĂŁ vai ser melhor
entĂŁo vocĂȘ verĂĄ o amor e uma flor
com os bons olhos da vida

Meus olhos agradecem
Sua nobre paciĂȘncia
Enobrece e enfeita a minha vida

Letra enviada por Cris Lobo

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta mĂșsica

Ouça estaçÔes relacionadas a Cris Lobo no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS