Página inicial > Rap > C > Criolo > Povo Guerreiro

Povo Guerreiro

Criolo


Povo guerreiro... Bate tambor
Comemora a liberdade
Mas a igualdade não chegou

Nossos ancestrais Lutaram pela liberdade
Contra tudo e contra todos
O negro nunca foi covarde
Fugiu das senzalas
Refugiou-se nos quilombos
Conquistou a liberdade
Mas em busca da igualdade
Ainda sofre alguns tombos

Povo guerreiro... Bate tambor
Comemora a liberdade
Mas a igualdade não chegou

No pós liberdade
O negro foi marginalizado
Teve a alma aprisionada
Com as algemas da desigualdade
Hoje refugiado em favelas
Onde a vida tem suas mazelas
Combate a miséria, o preconceito e a adversidade
A igualdade e o respeito
Mais do que anseios
Também são necessidades

Povo guerreiro... Bate tambor
Comemora a liberdade
Mas a igualdade não chegou

Compositor: Ricardo Rabelo e Willian Borges

Letra enviada por

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Criolo no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS