Página inicial > Romântico > C > Conrado e Aleksandro > No Lombo Das Primas

No Lombo Das Primas

Conrado e Aleksandro


Eu andava sofrido, todo encardido que dava até dó
Só tomava banho lá no igapó
Saia com lama até no jiló
Mas o destino me trouxe uns boi na invernada,
Cayenne, Carrera, Armany e Prada
E um Learjet, não ando mais de mobilete
É tudo que eu sempre sonhava
Whisky, cerveja e balada

É nóis armar o boteco, pegar as menina
Afogar o marreco, tomar gasolina
Dormir na sacada, morder a cortina
Fazer cutiano

Pra nóis armar o boteco, pegar as meninas
Afogar o marreco, tomar gasolina
Dormir na sacada, morder a cortina
Fazer cutiano no lombo das prima

Eu andava sofrido, todo encardido que dava até dó
Só tomava banho lá no igapó
Saia com lama até no jiló
Mas o destino me trouxe uns boi na invernada,
Cayenne, Carrera, Armany e Prada
E um Learjet, não ando mais de mobilete
É tudo que eu sempre sonhava
Whisky, cerveja e balada

É nóis armar o boteco, pegar as menina
Afogar o marreco, tomar gasolina
Dormir na sacada, morder a cortina
Fazer cutiano

Pra nóis armar o boteco, pegar as meninas
Afogar o marreco, tomar gasolina
Dormir na sacada, morder a cortina
Fazer cutiano no lombo das prima

Pra nóis armar
Morder
Fazer cutiano

Pra nóis armar o boteco, pegar as meninas
Afogar o marreco, tomar gasolina
Dormir na sacada, morder a cortina
Fazer cutiano no lombo das prima

Letra enviada por leandrostz

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Conrado e Aleksandro no Vagalume.FM

ÚLTIMAS

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS