Curva

Claustrofobia


Estilo coisa ruim zica curva
Pode ser você mas também
Pode ser um filho da puta
Que não para de falar e te atormenta
Truta sai pra lá!

Sujeira acumulada afinidade derradeira
Ritual concluído cabeça feita
Tudo pronto pra cerveja

Onde é mais suave a breja é quente
Puta que pariu vamo em frente!
Onde a breja tá gelada a curva é iminente
Vários tipos sujos horrendos humildes
Histórias tristes
Filósofos da rua
Tudo tem sua hora
Pare na curva e faça sua própria história

Curva de rio vai pra puta que pariu
Para-raio de louco
Parou na curva agora aguenta mais um pouco

Todo mundo pode ser um curva
Os cara falaram: bagulho é louco
Ilustre iluminado
Chapamo o côco

Todo mundo pode ser um

Curva de rio vai pra puta que pariu
Para-raio de louco
Parou na curva agora aguenta mais um pouco

Todo mundo pode ser um curva
Pode ser de dia, pode ser de noite
Cada especialidade no seu turno tem de monte

Todo mundo pode ser um

Curva de rio vai pra puta que pariu
Para-raio de louco
Parou na curva agora aguenta mais um pouco

Letra enviada por Playlists do Vagalume

Encontrou algum erro na letra? Por favor, envie uma correção >

Compartilhe
esta música

Ouça estações relacionadas a Claustrofobia no Vagalume.FM

MIX DE MÚSICAS

ARTISTAS RELACIONADOS